Domingo, 9 de agosto de 2020

Notícias / Política MT

Profissionais fazem denúncias sobre a Santa Casa de Cuiabá ao deputado Ulysses Moraes

De acordo com os profissionais de saúde que trabalham no setor de Covid-19 da Santa Casa, falta sabonete e álcool em gel na sala de paramentação, além dos salários atrasados

15 Jun 2020 - 14:46

19 News

Profissionais fazem denúncias sobre a Santa Casa de Cuiabá ao deputado Ulysses Moraes

Foto: Fernanda Trindade

Os profissionais de saúde da Santa Casa de Misericórdia de Cuiabá relataram graves denúncias do hospital ao deputado Ulysses Moraes. De acordo com esses profissionais, a sala de paramentação "está um caos" e o salário está atrasado.

Na última terça-feira (9), o parlamentar realizou uma fiscalização na Santa Casa com outros deputados da Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso (ALMT) e detectou uma estrutura precária na sala de paramentação dos profissionais da saúde. “É uma vergonha que falte até sabonete e álcool em gel”, disse Moraes.

O deputado registrou toda a situação e divulgou à população em suas redes sociais. Contudo, após essa fiscalização, vários profissionais de saúde da Santa Casa entraram em contato com Ulysses Moraes denunciando outros problemas. 

“Ficamos meses sem sabonete no nosso repouso para limpar a mão que era o mínimo, não tinha álcool em gel, não tinha sabonete não tinha nada. Realmente falta mesmo. A sala de paramentação lá, é bem complicada, fica tudo sujo, amontoado e jogado, não só a sala de paramentação quanto o repouso. No banheiro também eles não retiram as coisas mesmo, fica tudo amontoado”, afirmou um dos profissionais da saúde que trabalha no setor de Covid-19 da Santa Casa de Misericórdia de Cuiabá.

Os profissionais ainda relataram sobre o atraso de pagamento dos salários. De acordo com eles, o último salário pago foi referente a março de 2020, ou seja, são mais de 60 dias sem receber.

“Muitos profissionais da Santa Casa entraram em contato comigo, o que está acontecendo lá é um absurdo. Quando postei o vídeo mostrando a realidade de lá, o governador do Estado me atacou dizendo que era mentira. Ele mandou uma equipe da comunicação do Governo ir no hospital, correr risco, só para fazer um vídeo me atacando, dizendo que os salários estavam em dia. Mas, agora quero ver o governador dizer que os profissionais da saúde estejam mentindo”, destacou Ulysses Moraes.

Vale destacar que o deputado já passou por hospitais de Sinop, Barra do Bugres, Campo Novo do Parecis, Rondonópolis, Cuiabá e Várzea Grande para investigar como os recursos públicos estão sendo aplicados no combate ao coronavírus e garantir melhorias para estes profissionais da saúde.

“Se você é profissional da saúde pode nos avisar tudo o que estiver acontecendo na Saúde da sua cidade. Estamos fiscalizando cada hospital e se for preciso irei contar cada leito de UTI para mostrar a verdade ao mato-grossense”, garantiu o parlamentar.
Por Fernanda Trindade / Gabinete do deputado Ulysses Moraes

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet